IMPLANTAÇÃO DO COLETOR TRONCO CIDADE NOVA AVANÇA NO CENTRO DO RIO

Obra vai beneficiar 163 mil pessoas e reduzir em cerca de 700 litros por segundo o esgoto lançado na Baía de Guanabara

A implantação do Coletor Tronco Cidade Nova continua avançando na região central da cidade. Nesta semana, está prevista a abertura de novos poços para a entrada do Shield, um equipamento que escava túneis no subsolo e permite a instalação da tubulação, sem barulho, poeira, ou transtorno para quem está na superfície.

O Coletor Tronco Cidade Nova (CTCN) terá um total de 4,2 quilômetros de dutos para a captação do esgoto que, hoje, é lançado diretamente no Canal do Mangue. Serão dois quilômetros de extensão com dutos de 1,5 m de diâmetro e outros 2,2 quilômetros de extensão com dutos de 1m de diâmetro, que juntos captarão o esgoto sanitário de parte da Cidade Nova, Centro, Catumbi, Rio Comprido, Estácio e Santa Teresa e encaminharão para tratamento na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Alegria.

Utilizando um método não destrutivo, a tecnologia Pipe Jacking, a implantação do CTCN executa o trabalho de escavação a aproximadamente seis metros de profundidade. Apesar de reduzir muito as interferências na superfície, o processo demanda a abertura de Poços de Visita (PV), para a execução do Tronco Coletor, que futuramente serão adequados para acesso e manutenção da rede implantada.

Para essa semana está prevista a prospecção para verificação de interferências dos poços nas Avenidas Benedito Hipólito e Afonso Cavalcante. Também acontecem as escavações dos Poços de Visitas na Praça Irmãos Bernadelli e Trevo das Forças Armadas. Ainda neste trecho será feita a retirada do Shield do subsolo e o trabalho de mobilização e instalação do sistema de rebaixamento do lençol freático. O poço na Rua Melo e Souza será preparado para a condição final de acesso.  Também estão previstas as etapas de concretagem da parede de reação e mobilização e montagem do Shield no terreno da CEG e execução de conformação hidráulica na tubulação da Avenida Rio de Janeiro. O cronograma prevê, ainda, o transporte e descarte do material retirado da escavação, no canteiro central. 

 

Traçado

A implantação do Coletor Tronco Cidade Nova segue o seguinte traçado: Rua Benedito Hipólito, trecho entre as ruas General Caldwell e Afonso Cavalcanti; Rua Afonso Cavalcanti, trecho entre as Ruas Benedito Hipólito e Rua do Teleporto; Rua do Teleporto, trecho entre a Rua Afonso Cavalcanti e Viaduto dos Pracinhas; Rua Paulo de Frontin, trecho entre o Viaduto dos Pracinhas e a Rua Haddock Lobo; Rua Francisco Bicalho, trecho entre o Viaduto dos Pracinhas e a Rua Francisco Eugênio; Rua Francisco Eugênio, trecho entre as Ruas Francisco Bicalho e Melo e Souza; Rua Melo e Souza, trecho entre a Avenida Pedro II; Av. Pedro II entre a Rua Melo e Souza até o terreno da CEG; terreno da CEG entre as Ruas Pedro II e São Cristóvão; e Rua São Cristóvão até a Avenida Rio de Janeiro, que finaliza o traçado no PV do interceptor da ETE Alegria.

O CTCN vai interceptar as redes coletoras de esgoto ao longo do seu caminho, que se inicia no cruzamento das ruas General Caldwell e Frederico Silva e desemboca no PV situado na Avenida Rio de Janeiro, um total de 11 interligações na rede de esgoto existente. Todo esse esgoto sanitário será enviado para tratamento na Estação de Tratamento de Esgoto de Alegria, a ETE Alegria.

A cravação do coletor tronco está com 1.089 metros de rede executada (situação em 30/10/16), equivalendo a 25% de avanço físico. O investimento é de R$ 81 milhões e a conclusão das obras está prevista para setembro de 2018, com uma população de 163 mil pessoas beneficiadas e redução de 700 litros de esgoto por segundo lançado na Baía de Guanabara.

 

PSAM

As obras do Coletor Tronco Cidade Nova são parte do Programa de Saneamento Ambiental dos Municípios do Entorno da Baía de Guanabara – PSAM, criado por meio de um contrato de financiamento do Governo do Estado com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O Programa tem a coordenação da Secretaria de Estado do Ambiente e o objetivo de ampliar o saneamento ambiental dos municípios do entorno da Baía de Guanabara por meio de obras de saneamento básico e da criação de um novo modelo de governança para a Baía. 

Galeria de Imagens

Contatos

*

 

 

Unidade Executora - UEPSAM

Contato:
Tel. 21 3575-5679 ou 3575-5680
Atendimento: de segunda a sexta-feira:
Das 9 às 18 horas

E-mail: ascom@psam.eco.br

 

ASCOM - Assessoria de Imprensa SEA

Contato:
Tel. 21 2332-5625 ou 2332-5615
Atendimento: de segunda a sexta-feira:
Das 9 às 18 horas

E-mail: ascom.ambiente@gmail.com

 

OBRAS

Coletor Tronco Cidade Nova
Tel. 0800 024 8499
E-mail: falecom@psam.eco.br

Sistema de Esgotamento Alcântara
Tel. 3600-7540 ou 3600-7559
Email: falecom@sag.com.br